Celulose Rio Grandense interrompe produção, Ibis agradece

DSCN6298_640x480

A Rede Ibis inaugurou em dezembro de 2016 seu novo hotel em Guaíba. Agora tem outro ainda mais novo no RS, em Igrejinha. O Ibis de Guaíba está se favorecendo com os problemas verificados numa caldeira da Celulose Rio Grandense, que começou em fevereiro. A empresa interrompeu a produção para que o problema seja solucionado. Acontece que o pessoal que vem trabalhar no conserto da caldeira é de fora do RS e todos se hospedam no Ibis. O resultado é que o hotel fica lotado. Bom para o Ibis, que lucra, mas ruim para quem viaja e precisa de local mais em conta para se hospedar.

DSCN6298_640x480

O Ibis de Guaíba está dentro do padrão da rede. Boa cama, bom chuveiro. O estacionamento é de graça e tem parte coberta. O café da manhã é alto, para os padrões da rede: R$ 21. Há postos nas proximidades com café da manhã bem mais barato. A diária, sem café, sai por R$ 139, para até 2 pessoas. Quem se hospeda nos apartamentos de frente ganha de graça uma bela vista de Porto Alegre, que fica do outro lado do Guaíba.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s